fbpx

Tai chi chuan e seus benefícios para a saúde


Na correria da vida, muitas vezes são deixadas de lado questões abstratas, levando as pessoas a focar apenas em elementos concretos que nem sempre teremos controle. Por isso é importante manter um equilíbrio em que a violência e a paz possam coexistir, para não haver distúrbios em seu dia a dia, que pode afetar mais ainda sua consciência e também o dia a dia de outras pessoas. Vamos falar sobre sobre tai chi chuan.

Com as tensões a flor da pele, uma alternativa para buscar paz interior são as práticas orientais. Pensando nas artes marciais o kung fu e o judô são, respectivamente artes marciais chinesa e japonesa que busca uma alternativa para o praticante entrar em contato com seu corpo. Entretanto, ambas as artes marciais têm como propósito a autodefesa contra possíveis adversidades que rebatam seu equilíbrio. De maneira que se você não busca autodefesa, mas uma prática quase artística, há também outras formas de fazer esse encontro entre corpo e alma.

O feng shui é uma prática que busca harmonizar o ambiente conforme a espiritualidade e vibrações positivas e pode também ser praticado, mas a prática que buscamos apontar aqui é o tai chi chuan, outra arte marcial chinesa que valoriza a flexibilidade do organismo.

Vantagens da prática de tai chi chuan

Para um dia a dia mais saudável e longe do stress, o tai chi chuan surge como alternativa que pode contribuir para uma melhora nesse aspecto, através de um treinamento focado na flexibilidade e na força da musculatura, de maneira que contribui para a manutenção das calorias do corpo, gerando um gasto de aproximadamente 300 calorias por hora aula. Hoje em dia sabemos da importância do tai chi chuan, tendo em vista as constantes invasões que ocorriam nas comunidades antigas, o que levava os indivíduos a buscar uma prática que servisse tanto para a espiritualidade como para o preparo para a batalha.

Nesse sentido, ainda que não pareça uma luta, os movimentos que são empregados no tai chi chuan, são movimentos circulares, cadenciados e pontuais, de maneira que é importante estar relaxado ao realizar os movimentos, e mesmo não parecendo são movimentos de combate.

Nesse sentido, as práticas dentro do tai chi são calmas e pacíficas, mesmo carregando um teor de combate, isso porque movimentos mais lentos e cadenciados estimulam a concentração e a consciência corporal, o que acalma o corpo e a mente.

A prática do tai chi chuan deve ser algo cotidiano, sendo tratada não apenas como uma prática oriental isolada, mas como uma atividade que qualquer pessoa pode ter acesso para unificar o corpo e a alma. Para além das velhas disputas entre países e também para além da questão religiosa, o tai chi é uma forma de ativar o equilíbrio interior através da prática exterior com o mundo.

Quer saber mais sobre o assunto? Então acompanhe nossos outros conteúdos e fique sempre bem informado. Para encontrar outros temas interessantes para você, assine nossa newsletter e fique sempre por dentro de nossas novidades. Não se esqueça de compartilhar em suas redes sociais com seus amigos.